28 de junho de 2011

Vencendo as Batalhas

"Venceu a batalha, mas não venceu a guerra!" Quem não conhece essa frase? Quando alguém tem uma "derrota" na sua vida fala isso, e é até uma frase meio vingativa. Na nossa vida cristã podemos usar essa frase também, mas de uma maneira diferente. Todos nós já vencemos a GUERRA, através do sacrifício de Cristo somos mais que vencedores. Mas, ainda existem muitas batalhas até o final da guerra(o fim dos tempos) pra serem travadas. Mas apesar de termos vencido a guerra, não quer dizer que chegaremos até o final dela, porque a batalha pode matar, e esse deve ser o nosso cuidado. As batalhas espirituais que enfrentamos, se não vencidas podem matar a nossa Fé, a nossa confiança em Deus, a nossa esperança, a nossa vida espiritual, nos impedindo de chegar até o final da guerra e receber a Coroa da Vida. 
Por isso permaneça...Não deixe a ansiedade entrar no seu coração pois ela pode desviar o seu foco de Deus. Sempre escolha confiar e esperar. Sempre tenha em mente que cada dia que passa, se você o busca, você está mais perto dele. Por mais que não sinta, ou o veja, escolha confiar em suas promessas e na sua palavra e se entregar a ele. Fuja do Pecado, fuja das tentações. Se vier no teu coração o sentimento de que você não vai conseguir, entrega pra Deus na hora, não alimente. Louve ao Senhor, se alegre no Senhor, espere no Senhor, porque "Desde a antiguidade não se ouviu, nem com ouvidos se percebeu, nem com olhos se viu um Deus, além de ti. que trabalhe para aquele que nele espera."
Entregue sua vida a Deus, busque-o e deixe ele trabalhar em você.

Seu Companheiro de Batalha

Douglas Lopes

23 de junho de 2011

Filhos Mimados

"E, para que me não exaltasse pelas excelências das revelações, foi-me dado um espinho na carne, a saber, um mensageiro de Satanás, para me esbofetear, a fim de não me exaltar. Acerca do qual três vezes orei ao Senhor, para que se desviasse de mim. E disse-me: A minha graça te basta. porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza..." 2Coríntios13.7-9

Hoje, nas igrejas vemos a repetição(cansativa) de uma mesma história.  VITÓRIA. Parece que não existe outra coisa. Não sei o caso de vocês, mas comigo é frequente. Não é uma igreja que vou, são todas! Sem contar as músicas. "Deus vai te dar, você vai receber, receba, receba, recebaaaaaaaaaaaaaaaaa.... ".   Não duvido que EM JESUS, somos mais que vencedores, que Ele me garante a vitória(papo pra um outro post). Porém, da maneira exaustiva como isso é pregado hoje pela igreja, não são mais gerados filhos obedientes, mas filhos mimados. "Crianças" que não estão dispostas a abrir mão, não estão dispostas a não ganhar, porque Deus vai dar tudo que elas sonharam, porque Deus vai fazer TUDO o que elas querem se elas forem fiéis(lê-se dar dízimo e ofertas e ir em campanhas). Pode observar.


Porém, as coisas não funcionam assim. Deus não nos dá tudo o que pedimos ou o que sonhamos. Deus nem sempre cura, Deus nem sempre dá o que esperamos. E aí, como filhos mimados, não preparados por nossos líderes para receber um NÃO de Deus, agimos como crianças pirracentas. "Deus não me ama!", "Por que fez isso comigo?" ficamos magoadinhos e até nos afastamos. Muitas vezes por não receber o que queremos a nossa fé se abala.
Com quem poderíamos aprender essa lição melhor do que com o nosso querido amigo Paulo. O cara tinha "alguma coisa"(o tal espinho que não sabemos o que é) que ele pediu pra Deus tirar dele. Libertá-lo daquilo. E o que Deus falou?? NÃO... Como assim? Paulo não tinha fé? O cara tinha um "mensageiro de Satanás" pra pertuba-lo, e o cara não precisava ir num culto de libertação, porque Paulo era o próprio "culto de libertação"(sentido figurado tá gente). 


Deus quer pessoas que estejam com Ele, doentes(física e espiritualmente), feridas, com dor, pobres, com dívidas, com todo mal imaginável e digam "DEUS, SUA GRAÇA ME BASTA". Não digo que não devam pedir, mas não sejam pidões mimados, mas filhos amáveis e obedientes. Dispostos a receber NÃO e a fazer aquilo que não querem,abrindo mão daquilo que querem, por obediência a Deus.

Largando as coisas que para trás ficam, buscando o Alvo!

Douglas Lopes

22 de junho de 2011

Pense no Alto

"Se o seu olho direito o fizer pecar, arranque-o e lance-o fora. É melhor perder uma parte do seu corpo do que ser todo ele lançado no inferno.
E se a sua mão direita o fizer pecar, corte-a e lance-a fora. É melhor perder uma parte do seu corpo do que ir todo ele para o inferno." Mateus 5. 29-30



Jesus nos fala de forma bem clara nesses versículos. E a mensagem que Ele nos passa é a seguinte: Nada que nós consideramos importante nesse mundo vale mais que a eternidade. Esse é um conceito que, como cristãos, devemos aplicar em tudo nas nossas vidas. 
Não diga que é loucura largar as coisas assim. Deus é tudo o que precisamos pra viver, Ele é fiel e nos supre quando fazemos a vontade dEle. Quando tomamos uma atitude simplesmente por amá-Lo mais que todas as coisas cumprimos o primeiro mandamento (Marcos 12.30).
Ninguém que enxerga aceitaria se tornar cego, muito menos perder uma mão. Mas preste atenção no que Jesus disse: "É melhor perder uma parte do seu corpo do que ir todo ele para o inferno."

Devemos pensar na vertical (nas coisas do alto), e não na horizontal (no mundo ao nosso redor). "Mantenham o pensamento nas coisas do alto, e não nas coisas terrenas. Pois vocês morreram, e agora a sua vida está escondida com Cristo em Deus." Colossenses 3.2-3


O pecado é aquilo que desagrada a Deus, e por amarmos a Ele sobre tudo, escolhemos não pecar. Desta forma, quando você perceber o pecado...
  • Diga não ao seu chefe para não desagradar a Deus;
  • Termine um namoro para não desagradar a Deus;
  • Desligue sua TV para não desagradar a Deus;
  • Desista de uma carreira para não desagradar a Deus;
  • Não negue ajuda para não desagradar a Deus;
  • Dê um tempo na internet para não desagradar a Deus;
  • Se afaste de alguém para não desagradar a Deus;
  • Mas ame-O sobre todas as coisas.
Se estar neste mundo é ser moldado para a eternidade, vivamos então para alcançar a eternidade!

Buscando amá-Lo,
Jullie Nogueira

21 de junho de 2011

Lady Gaga - Análise em Judas

Clipe da música 'Judas' legendado



Lançado com bastante estardalhaço, o vídeo de Lady Gaga para a música Judas causou mais uma polêmica e confirmou todas as teses e teorias anteriores sobre a cantora e a indústria da música. Judas mostra basicamente a mesma temátia de análises anteriores, como as de "Alejandro", por exemplo. O tempo todo, mostra-se zombaria, blasfêmias e uma renúncia do puro e sagrado para algo ruim e perverso. O clipe também tenta fomentar a tese de que jesus foi apenas terreno e teve um relacionamento conjugal com Maria Madalena (difundido pelos livros de Dan Brown). Poucos sabem que essas teses fazem parte de uma agenda que tenta remover o nome de Jesus da vida e mente das pessoas para que o caminho para outras coisas fiquem mais fáceis.


Assista ao vídeo:







Observe a Letra da Música:

Referência a Satanás, um rei sem coroa:
Eu vou derrubá-lo
Eu vou derrubá-lo, derrubá-lo
Um rei sem coroa
Um rei sem coroa


Zombaria contra Maria Madalena:
Eu sou apenas uma Santa Idiota, oh baby, ele é tão cruel
Mas eu ainda estou apaixonada por Judas, baby
Eu sou apenas uma Santa Idiota, oh baby, ele é tão cruel
Mas eu ainda estou apaixonada por Judas, baby


Apologia ao satanismo:
Eu jamais poderia amar um homem tão puramente
Até mesmo a escuridão perdoou seus modos perversos


A escolha de Gaga:
Eu quero amá-lo, mas algo me afasta de você
Jesus é a minha virtude e Judas é o demônio a quem recorro
A quem recorro
Precisa falar mais alguma coisa?
 


Matéria retirada do colega blogger: http://danizudo.blogspot.com/


Análise Completa no blog Danizudo clique aqui

14 de junho de 2011

A Menina que eu pedi ao Senhor

Para os dia dos namorados(meio atrasado) eu posto essa música. Que queles que já encontraram a Menina que pediu ao Senhor, que possa se alegrar na fidelidade dele, e aqueles que ainda esperam, esperem porque ele é fiel!! Espere, porque um dia você pode cantar essa música para alguma menina e dizer, "Você é a menina que eu pedi ao Senhor"


Curtam


Douglas Lopes

Parecido com Jesus - Ministração Festa de Natal Cidade Batista









Esses vídeos são de nossa primeira (e por enquanto única kkkk) ministração. Aconteceu na Festa de Natal da Cidade Batista, com uma banda improvisada (Eu e Jullie kkk) e com a Melissa solando.  

Deus Abençõe

Douglas Lopes

9 de junho de 2011

Vanessa, Exemplo de Vida...

Vanessa é um grande exemplo para muitos crentes hoje. Assista e saiba porque!
                           "A carne é fraca né...tá na palavra" rsrsrsrs

Está rindo é?? Tem certeza que você não é mais um(a) Vanessa??


Abre o Olho Crente



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

DESIGN BY:


Blog desenvolvido por Isabela Cacique.